Rascunhos: Fardo

Imagem| Tumblr

Enfim chegamos a Novembro, o ano passou correndo, tantas coisas aconteceram e só parei para pensar agora, que o ano esta prestes a terminar, este post é para compartilhar com vocês que aconteceu no segundo semestre de 2015, sem dúvidas este foi um ano que precisei carregar um fardo enorme, e muitas vezes me pergunto se realmente consegui carrega lo ou se simplesmente sai empurrando, guardando magoas no fundo do peito. 

Em 2015 voltei a estudar, faço o curso que amo, vou seguir a carreira, me esforço nos estudos, por mais que seja mais complexo do que imaginava, mesmo assim sigo firme, mas este não foi um dos melhores anos, me deparei esses dias nas tristezas que guardei sozinha, escondida, forçando aquele sorriso lindo no rosto a cada vez que me perguntavam: "você esta bem?", aprendi da pior forma que na maioria das vezes quem pergunta não esta disposto a ouvir calmamente as lamurias dos outros, esta é apenas uma pergunta jogada como tantas outras, a resposta aguardada é: "estou ótima e você?", e assim seguir o diálogo sem lembrar do que te desespera, afinal ninguém é obrigado a ter interesse na tristeza alheia, não é mesmo?, ninguém tem a responsabilidade de ouvir pacientemente a reclamações, pois a tristeza assim como a alegria contagia e não é isto que queremos.
As tristezas que tive ao longo do ano foram guardadas dentro de mim, acolhidas e abraçadas, as vezes até me dei ao luxo de esquece las, mas elas não se esqueciam, constantemente volta e me repreendia: " oi estou aqui, olhe pra mim, sem lembra quem sou?", mas segui firmemente ignorando a, guardando as em locais cada vez mais profundos e aguardando que em algum momento esqueceriam que um dia já as senti. Foi tolice de minha parte achar que não seria cobrada de meus mais profundos sentimentos a sinceridade de dizer: "vocês existem e estou aqui disposta a lembrar de ti", por mais profundas que estejam voltam a me atormentar, este foi o peso que guardei durante este ano sombrio, as vezes me sussurra dizendo: "larga de tolice, orgulhe se, somos para o seu bem, afinal o que seria de você se não existíssemos?", as vezes me deparo com essas perguntas infames e rapidamente as guardo o mais profundo que consigo, como uma lembrança desgostosa que deve ser preservada, mas longe aos próprios olhos, meu fardo é pesado e não consigo simplesmente joga lo fora, ou despejar em algum lugar, pois já faz parte de minha essência e luta ferozmente para sobreviver junto a tantos sentimentos turvos, mas hoje é o fim, assim como 2015 se encerra estes sentimentos que aqui habitam também há de acabar.
Hoje percebi que o fardo reduziu, pensei que fosse obra de milagre, mas logo me recompus e pensei, como pode tamanho fardo, sentimentos devastadores partirem assim?, como posso lutar e dizer: "superei!, agora é a minha vez de ser quem ouve calmamente", chore quando quiser chorar, ria quando quiser rir, grite quando tiver vontade, mas não guarde pra si as tristezas da vida, estes são os mais destrutivos dos sentimentos.   

Share this:

JOIN CONVERSATION

2 comentários:

  1. Olá Tudo Bem? Primeiro! Quero me apresentar sou a Professora Rosimeire F. Oliveira
    A minha especialidade é falar sobre Saúde, Bem Estar e Emagrecimento.

    Escrevo atualmente para o Beleza Blog (beleza.blog.br).
    Achei muito interessante o seu blog, gostaria de contribuir com um artigo de minha autoria,
    o texto é totalmente gratuito e o assunto é mais relacionado ao seu blog.

    Será um artigo atraente e atualmente muito buscado pelo público.

    Para divulgação do meu trabalho o que necessito é um link dentro do artigo.
    Se você aceitar publicar o artigo eu divulgo (grátis) na nossa rede que soma mais de 2 milhões de visualizações.

    Entre em contato comigo por e-mail prof.rosioliveira@gmail.com

    Me solicite um artigo para avaliação e um plano de divulgação.

    Gostaria de fazer parte do seu blog através desse artigo!

    Aguardo sua resposta e estou a sua disposição! Atenciosamente,
    Professora Rosi Feliciano Oliveira

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico muito feliz por ter se interessado pelo blog Prof. Rosimeire, falar sobre saúde, beleza, bem estar e emagrecimento é sempre muito bom e nos ajuda e muito a evitar os maus hábitos,vou enviar sim um e-mail pra ti.
      Beijos, volte sempre!

      Excluir