Rascunhos: Solidão


Imagem|Tumblr

Gritei por tanto tempo, queria saber se você era realmente importante, mas a algo errado em você, ou talvez haja algo errado comigo, você nem ao menos me ouviu, mesmo quando estava sozinha, debilitada, será que você é realmente importante?. 

Pra onde você foi? Será que se lembra de mim? Talvez eu tenha sido precipitada quando lhe confessei todos aqueles sentimentos, eu sei que foi injusto, mas você sabe quanta coragem reuni durante todo esse tempo? Coragem o suficiente pra querer fugir sem olhar pra trás, a única coisa que te peço não me deixe mais sozinha, largada no escuro.
Eu só te peço não me deixe sozinha, a solidão é fria, amarga e dolorosa demais, sei que não sou a pessoa certa para lhe pedir, talvez não tenho sido a tempos, talvez seja assim que você me veja, como mais um alguém que você deixou despedaçada pelo caminho, não me deixe mais esquecida, abandonada, não me deixe pra trás, enfraquecida demais para voltar para o meu verdadeiro eu.
Não posso riscar sem sou, não posso continuar me anulando, não posso continuar chorando por um alguém que me despedaça a cada momento, cansei, não grito mais. Agora você me ouve, gritando desesperada por carinho?
Não quero mais ouvir a sua voz ecoando em minha mente, fiquei tempo demais largada nas sombras gritando sozinha, talvez agora isso seja tudo o que eu queria a tempos, não quero mais a sua solidão, quem sabe agora eu possa esperar que tudo acabe, talvez você me pegue enquanto eu caio e leve essa solidão pra longe.


Share this:

Deixeo seu comentário

    Comentários Blogger

0 comentários:

Postar um comentário